Sex06232017

Última atualizaçãoQui, 22 Jun 2017 6pm

No “Bate-papo”

Diretório acadêmico do CES

Discutindo o atual cenário político do país.

O Centro de Ensino Superior de Conselheiro Lafaiete - CES-CL, em parceria com Diretório Central Estudantil “Tiradentes” promove nesta segunda-feira (19/6) às 19h, um encontro para realização de um “Bate Papo” sobre o cenário político nacional.

Serviço:
Entrada Franca
“O Cenário Político Atual, Reformas Trabalhista e da Previdência.”
Palestrantes - Deputado Federal Reginaldo Lopes e o Deputado Estadual Cristiano Silveira
Local - CES-CL - Rua Lopes Franco, 1001 – Carijós. Entrada Franca.
Horário - 19:00 horas

Foto: Divulgação- Cartaz CES-CL 

Oficina

Villas e Fazendas

Circuito Turístico Villas e Fazendas de Minas realizou recentemente oficina de atualização do mapa do turismo brasileiro.

A oficina foi apresentado pela gestora do circuito, Sidnéia Martins, que enfatizou a importância de um município do circuito estar incluído no Mapa do Turismo Brasileiro, sendo um instrumento de orientação para a atuação do Ministério do Turismo e da Secretaria de Estado de Turismo no desenvolvimento de políticas públicas, tendo como foco a gestão, estruturação e promoção do turismo, de forma regionalizada e descentralizada.

Como este é um ano de atualização do Mapa, foram destacados os critérios obrigatórios dos municípios das regiões turísticas do Estado, bem como o Programa de Regionalização do Turismo, a Estruturação e Categorização dos Municípios no Mapa e as diretrizes e eixos de atuação para inclusão. Segundo os órgãos competentes, todo município brasileiro pode participar do Mapa do Turismo Brasileiro, desde que atenda aos critérios estabelecidos.

No último ano de atualização, o Circuito Villas e Fazendas de Minas já esteve inserido no Mapa do Turismo Brasileiro e participa ativamente do Programa de Regionalização do Turismo no Estado.

Foto e Texto: Camila Borges / Circuito Villas e Fazendas de Minas

Na cidade de Ouro Branco

Caminhada AEA

Já está chegando a hora, 36ª Caminhada da Inconfidência.

O Governo Municipal e a diretoria da AEA se reuniram com o Secretário Estadual de Turismo, Deputado Ricardo Faria e o Deputado Tiago Cota. Na oportunidade o Prefeito Hélio Campos, Vereador José Irenildo Freire (Lan) e o presidente da AEA Luiz Ney do Nascimento apresentaram os detalhes e pediram o apoio do Governo do Estado para a realização da 36ª Caminhada da Inconfidência que será dia 22/04.

Foto: Jornalista Pablo Silva - Assessoria de Comunicação PMOB / Momento do encontro. A Prefeitura de Ouro Branco é uma parceira do evento

Congonhas

Cidade  é citada como exemplo por UNESCO e Iphan em Brasília

3º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas, Turísticas e Patrimônio. 

Congonhas ganhou destaque no 3º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas, Turísticas e Patrimônio Mundial, que é realizado entre esta terça-feira, 11, e esta quarta, 12, em Brasília. A presidente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Kátia Bogéa, enalteceu o exemplo de Congonhas na restauração da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, pelo PAC das Cidades Históricas. Já a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) escolheu o encontro para lançar nacionalmente o livro sobre o “Museu de Congonhas – UNESCO”.

Na abertura do evento, o ministro da Cultura, Roberto Freire, se encontrou com o prefeito Zelinho, o secretário municipal de Planejamento, Antônio Odaque, e com o diretor-presidente da FUMCULT, Sérgio Rodrigo Reis.

Brasília
O PAC Cidades Histórias já entregou a Congonhas, em parceria com a Prefeitura, as obras da Alameda das Palmeiras, da Igreja de N. Sra. do Rosário e mantém em execução a Basílica do Senhor Bom Jesus de Matosinhos e o Parque Natural da Romaria. Há ainda outras cinco ações selecionadas pelo Iphan, por meio deste programa, para a cidade. Kátia Bogéa declarou para a plateia presente ao encontro que “Congonhas fez o seguinte, o prefeito Zelinho foi esperto e contratou todos os projetos e os passou ao Iphan. Depois cobrou os recursos. Ele escolheu uma equipe nota dez de planejamento e de execução das obras. O prefeito fez o dever de casa direitinho”.

O livro que a UNESCO lança durante o 3º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas, Turísticas e Patrimônio Mundial registra o processo de criação da instituição museológica e sua funcionalidade. A experiência será traduzida em várias línguas e enviada para outros sítios reconhecidos pela UNESCO como patrimônio mundial, com objetivo de estimulá-los a terem equipamentos como este, dedicado ao Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos.

Foto&Texto: Assessoria de Comunicação PMC / Secom

Ouro Branco

Aniversário de 293 anos

Homenagens e apresentações musicais marcaram a festividade

Ouro Branco/MG comemorou os 293 anos de sua fundação com homenagens e apresentações de diversos artistas locais e outros convidados neste sábado, 18, em frente ao casarão recém-restaurado da Antiga Casa Paroquial, na Praça Santa Cruz.

Durante a festividade, apresentaram-se a Sociedade Artística Musical Santo Antônio, a Folia de Santos Reis São Sebastião e Pastorinhas, a Guarda de Congado Nossa Senhora do Rosário, artistas e alunos da Aquarela Escola de Música, a dupla sertaneja de Antônio Carlos/MG Bruno e Breno Raniere, o artista Vandeir Antunes, a Orquestra de Violeiros de Ouro Branco e o cantor e compositor Rogério Dias.

Entre os homenageados, estiveram os artistas e alunos das escolas de música que se apresentaram durante o evento, além dos diretores das escolas das redes de educação municipal, estadual e particular, prefeito, vice, secretários e vereadores municipais, a Folia de Santos Reis São Sebastião e Pastorinhas, a Guarda de Congado Nossa Senhora do Rosário, a 65ª Companhia da Polícia Militar, o jornal O Alto Paraopeba e as empresas Posto Perfil, Turin Transportes, F & F Contabilidade, Bar Beco do Chalé e Supermercado Skinão, pelo apoio na realização do evento.

Seguindo a criação do Memorial de Ouro Branco no casarão da Antiga Casa Paroquial, a comemoração dos 293 anos de fundação de Ouro Branco é mais uma ação do Governo Municipal para resgatar as raízes históricas do povo ourobranquense e incentivar a preservação da cultura local.

Foto & Texto: Jornalista Pablo SilvaAssessoria de Comunicação PMOB / A Sociedade Artística Musical Santo Antônio executou o Hino a Ouro Branco durante a comemoração