Seg07242017

Última atualizaçãoSex, 21 Jul 2017 8pm

Polícia

Absurdo

O problema continua

Carretas no trânsito em Conselheiro Lafaiete.

Mesmo após a colocação de placas de sinalização instaladas pelo Departamento Municipal de Trânsito, na região do bairro Chapada, mais precisamente no aclive da rua Padre Lobo, a cidade ainda continua sendo invadida por carretas gigantescas, fato que coloca em risco moradores, motoristas, ciclistas e pedestre.

Outros locais como o bairro da Cachoeira e Avenida Telésforo Cândido já se transformaram em caminho frequente dos veículos pesados. O que será necessário para o DMT acordar deste sonho de somente colocar placas decorativas.

Foto: Jornalista Carlos Pacelli/ Alguma atitude tem que ser tomada pelos responsáveis. Numa velocidade acima de 60 Km/h, esta carreta descia a principal avenida da cidade

Maconha na laje

PM surpreendeu envolvidos

Rapaz cultivava “Cannabis Sativa” no terraço de um apartamento.

Na quarta-feira (28/6), policiais militares averiguaram a uma denúncia sobre uma plantação de maconha no terraço de um apartamento na rua Amazonas, bairro São João, região sul de Conselheiro Lafaiete/MG. No interior do prédio a PM deparou com a porta de uma das quitinetes abertas, após chamar o proprietário apareceu na porta e retornou rapidamente, alertando os outros que estavam no interior do imóvel.

Ao entrarem, policiais surpreenderam um menor infrator jogando uma sacola pela janela. Diante do flagrante, ele confirmou que se tratava de um tablete de maconha. Nas buscas pelo imóvel localizaram outro tablete de substância com características análogas a maconha dentro do guarda-roupa e sobre o móvel também foi encontrada uma garrucha de dois canos de calibre 22. O menor assumiu a posse das drogas e um rapaz de 19 anos que também se encontrava no apartamento disse que seria dono do armamento.

No terraço do prédio foram localizados cinco vasos contendo em cada, um pé de planta semelhante à maconha na qual a propriedade foi assumida pelo jovem de 19 anos.

Foto: PMMG/ Material localizado pela PM - O menor foi apreendido e o maior preso, sendo os dois conduzidos para 2ª DRPC

Trânsito

Concessionária quer usar nova lei para devolver BR–040

Uma publicação do Jornal "O Tempo" deixa mais clara os novos problemas que o povo enfrentará nesta rodovia.

- Agora depende de sanção de Medida Provisória (MP) já aprovada pelo Senado

A Via 040, empresa responsável pela administração de 936,8 km da BR–040, de Juiz de Fora, na Zona da Mata, a Brasília (DF), avalia a possibilidade de devolver o trecho ao governo federal se houver a sanção da Medida Provisória (MP) das Concessões, que permite rompimento de contrato quando houver incapacidade de atender obrigações assumidas para, assim, ocorrer a relicitação. Com isso, a duplicação da rodovia em Minas, que praticamente não saiu do papel, pode demorar mais.

O secretário de coordenação de projetos do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), da União, Tarcísio Gomes de Freitas, confirmou que a Via 040 sondou o governo sobre a possibilidade de devolução. “Já existem tratativas a respeito. A concessionária ofereceu um desconto muito agressivo no pedágio na época da licitação (2013), que chegou na casa dos 60% (abaixo do teto fixado pelo governo) e causou impacto na receita”, disse. Ainda segundo Freitas, a empresa controladora da Via 040, a Invepar, tem como acionista o grupo OAS, envolvido na Lava Jato. “Isso dificulta o acesso a crédito. O contrato é inexequível”, ressaltou.

Nessa quarta-feira (31), em audiência pública realizada na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, a morosidade das obras e o licenciamento ambiental foram debatidos. “Existe um problema de diminuição do tráfego, aumento da inflação, e também de liberação do BNDES”, afirmou o gerente de relações institucionais da Via 040, Frederico Souza. De acordo com um funcionário da concessionária que pediu para não ser identificado, o banco deveria financiar 70% das obras, mas ainda não teria repassado a verba. “Assim que tiver sanção (da MP), vamos fazer análise minuciosa. A concessionária está fazendo todos os esforços para dar continuidade ao contrato”, disse Souza.

Entenda a concessão da BR-040

A concessão do trecho à Via 040 começou em março de 2014, com prazo de 30 anos. O contrato prevê a realização de obras de recuperação e manutenção, serviços operacionais, conservação e aumento de capacidade, incluindo a duplicação de mais de 700 km. Até o momento, 73 km foram duplicados, a maior parte em Goiás, segundo a concessionária. No entanto, 11 praças de pedágio estão em funcionamento há quase dois anos, dez delas em Minas.

Segundo Freitas, se a MP for sancionada e a concessionária realmente desistir do trecho, ela deve instaurar o processo de relicitação para evitar que o contrato seja extinto por caducidade – declaração dada pelo governo federal em caso de inadimplência da empresa. “A caducidade é um processo mais lento e doloroso porque envolve o abandono do trecho”, pontuou. Ele disse que, caso o processo de relicitação seja oficializado, a União tem interesse em fazer acordo para o fim do contrato.

A Via 040, por meio da assessoria de imprensa, não confirmou nem negou a intenção de entregar a concessão da rodovia. Entretanto, admitiu que “a frustração de demanda”, com a queda no fluxo de veículos pesados aos níveis de 2010, e o aumento de 80% no preço do cimento asfáltico, principal insumo das obras rodoviárias, “comprometem a operação”. Do início do contrato até dezembro passado, a concessionária informou ter investido R$ 1,78 bilhão e arrecadado R$ 425 milhões.

Licença ambiental
Um total de 630 km da rodovia recebeu licença ambiental do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para duplicação. A licença está em nome da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), e a Via 040 deve pedir a transferência, segundo a gerente de meio ambiente da EPL, Juliana Karina Pereira Silva. O gerente de relações institucionais da Via 040, Frederico Souza, disse apenas que “esse pedido depende de análise rigorosa”.

Foto: Divulgação Internet / Concessão à Via 040 começou em 2014, com prazo de 30 anos
Texto: Jornal O Tempo PUBLICADO EM 01/06/17 - MARIANA NOGUEIRA E RAFAELA MANSUR

BR 040

Feriado de Corpus Christi

Aumento no trânsito e congestionamento em alguns pontos da rodovia.

A Concessionária Via 040, está prevendo um aumento de 35% em relação ao tráfego nos dias normais e coloca toda equipe a disposição dos motoristas e passageiros. O feriado de Corpus Christi deve trazer nesta quinta-feira (15/6) maior movimento nas cidades mineiras de São João Del Rei, Tiradentes, Congonhas, Ouro Preto e Mariana. Conforme a concessionária (0800-040-0040), usuários devem ter atenção redobrada com constante respeito às sinalizações e legislação do trânsito.

Serviço
Horários de maior movimento na rodovia
- Nesta Quinta-feira(15/6), das 7h às 14h
- No próximo domingo (18/6) das 16h às 21h
Email
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. e O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Foto: Divulgação Internet / Existe previsão que aproximadamente 420 mil veículos trafeguem na rodovia BR-040, durante este feriado

Polícia

Uma grande ação "Operação Vertentes"

Mais de R$ 42 mil são apreendidos pelo 9º BPM/13ª RPM.

Em cumprimento de um mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Barbacena/MG, policiais militares do 9º BPM/13ª RPM, por volta das 6h23 desta quinta-feira (25/5), localizaram em uma casa, no bairro Boa Morte, uma grande quantia em dinheiro.

A ação fez parte da "Operação Vertentes" deflagrada nos 61 municípios sob responsabilidade da 13ª RPM. Dentro de um guarda-roupas havia R$ 40.370,00 e R$ 1.923,00 escondidos em um pote, totalizando R$ 42.293,00 .

No banheiro, dentro da caixa de descarga policiais encontraram treze pedras de crack, escondido em um cano de PVC havia uma porção de maconha e restos de cigarros artesanais da mesma substância. O alvo da denúncia seria um rapaz de 18 anos, no momento da chegada dos militares ele estava acompanhado de duas adolescentes, de 13 e 15 anos. Elas confessaram que foram até o local para adquirir drogas e que teriam feito uso de substancia entorpecente, durante toda noite.

Diante dos fatos, o envolvido foi preso em flagrante delito pelo crime de tráfico de drogas e levado na companhia das adolescentes, até a presença da autoridade judiciária para demais providências.

Foto: PMMG / Material localizado - A PM suspeita que todo dinheiro estaria ligado ao tráfico de droga na região

Sub-categorias